Desejar e realizar!

IMG_0791Para começar as publicações de 2018, vamos fazer uma rápida reflexão? Como foi o ano de 2017 para você? Na sua avaliação qual a sua responsabilidade nos resultados que você obteve durante o ano? Você se sente responsável por esses resultados ou foi o mercado, a crise financeira, a falta de tempo ou outros fatores externo que os causaram?
No vídeo que coloquei no Instagram faço o convite para que nós possamos pensar quais são os nossos desejos para o ano novo, mas não só isso. Vamos pensar, também, o que nós faremos para que esses desejos se tornem realidade. É claro que as condições externas influenciam o nosso caminho, mas quem o define somos nós e nossas atitudes.
Se você tem como objetivo resolver o seu medo de andar de avião, por exemplo, mas não busca ajuda de profissionais esse medo irá ser controlado? Ou se você não consegue terminar os projetos que inicia, reconhece esse fato e deseja mudar, se não buscar ajuda de profissionais irá mudar?
Nossos somos diretamente responsáveis pelo os nossos resultados ou seja, se eu desejo algo, mas não tenho atitude que concretizem esses desejos, eles continuaram no plano da idealização.
Vamos fazer com que esse ano seja de menos desejos e mais realização? Vamos sonhar e realizar.

Achou interessante? Compartilhe!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Aguarde...

    Informe Seu E-mail

    Quer receber meus artigos sobre temas relacionados a psicologia? Medos, Stress, Ansiedades, depressão... Cadastre seu melhor e-mail.